My Post 4 1 1200x500 - Gestão de Estoque: O que é e como gerenciar?

Gestão de Estoque: O que é e como gerenciar?

O que é gestão de estoque?

A definição de gerenciamento de estoque é fácil entender. Simplificando, a gestão de estoque tem tudo a ver com ter o estoque certo na quantidade certa, no lugar certo, no momento certo e com o custo certo, por isso o gerenciamento inclui aspectos como controle e supervisão dos pedidos de estoque, armazenamento e controle da quantidade dos produtos para a venda.

Mas como você implementa a melhores técnicas de gestão de estoque para garantir os melhores resultados? Continue lendo para descobrir nossas dicas sobre as práticas recomendadas da gestão de estoque.

gestão de estoque

Gerenciamento de estoque com qualidade

O que as empresas modernas consideram a vantagem mais competitiva da tecnologia de automação de estoque é a possibilidade de planejar com antecedência e se preparar para picos de vendas ou quedas repentinas, monitorando tendências e fazendo referência a registros históricos. Com ações organizadas e categorizadas, você também aumentará sua eficácia e extrairá estatísticas importantes sempre que precisar delas. Independentemente da complexidade de seu estoque ou do número de produtos que você está distribuindo, uma ferramenta de gerenciamento de armazém será uma adição valiosa à sua infraestrutura de software e uma das maneiras mais rápidas de atender às expectativas de seus funcionários e clientes.

SAIBA AGORA MESMO SOBRE O SISTEMA WMS

O que faz o software de gerenciamento de inventário?

Como funciona o software de gestão de estoque? A melhor maneira de entender como funciona um software é observar seus recursos mais proeminentes. Nesta categoria, no entanto, isso pode resultar em uma tarefa mais complexa, já que os sistemas de estoque são significativamente diferentes, tanto em forma quanto em função.

Ainda assim, existem várias funções importantes que aparecem na maioria dos sistemas; Aqui estão os recursos confiáveis ​​do software de gestão de estoque:

  • Categorização de produtos:  Com esse recurso, você pode migrar produtos entre diferentes grupos e canais e torná-los facilmente pesquisáveis ​​por tipo, nome, preço, data, fornecedor, popularidade e muitos outros filtros. Melhor ainda, o recurso garante o controle total do estoque, pois permite prever a demanda e fazer pedidos precisos de seus fornecedores.
  • Gerenciamento de pedidos: Graças ao software de gerenciamento de estoque, os varejistas podem gerenciar suas vendas e compras no mesmo sistema, rastrear pedidos e controlar níveis de estoque, e até faturar seus clientes. Uma boa ideia aqui seria verificar se o sistema integra a ferramentas de contabilidade de terceiros.
  • Ordenação automatizada: O que as empresas mais gostam nos sistemas de gerenciamento de estoque é que elas eliminam o desperdício de tempo e limitam os esforços manuais necessários para faturar e rastrear as vendas projetadas. Isso é possível por meio da tecnologia de gerenciamento de estoque multicanal, que otimiza as vendas em todos os ambientes de varejo onde é aplicada.
  • Código de barras:  Este é o recurso de estoque mais popular e desejado que permite a troca de dados eletrônicos e, portanto, atende às necessidades de varejistas globais e grandes empresas. A digitalização também permite o rastreamento eletrônico dos dados do pedido e ajuda a manter o controle completo de estoque, isto é, depósito e expedição.
  • Informações sobre o produto: Os sistemas de gerenciamento de estoques tratam os dados como uma variável dinâmica e garantem que você permanecerá no controle deles para o mesmo número de itens ou serviços vendidos. Basicamente, ele oferece uma maneira simplificada e menos demorada de processar as informações usuais de vendas, desta vez mantendo todos os membros de sua equipe atualizados sobre isso.

gestão de estoque

Por que usar o software de gerenciamento de inventário?

Descrevemos o que é o software de gestão de estoque no início do conteúdo, vamos agora dar uma olhada em seus usos. Há muitos benefícios do software de gerenciamento de estoque decorrente do uso de software de gerenciamento de estoque de qualidade, incluindo distribuição precisa de produtos e serviços, pronto atendimento ao cliente e fechamento mais rápido e seguro do negócio. No cenário ideal, seu sistema de gerenciamento de inventário será hospedado em nuvem, bem integrado com software de gerenciamento de terceiros e disponível para uso em dispositivos móveis para as necessidades de equipes grandes e descentralizadas.

  1. Armazenamento centralizado: Quanto mais locais você tiver para administrar, mais difícil será gerenciar os pedidos e direcionar os produtos para os clientes certos. Com uma ferramenta de armazém adequada, você será capaz de rastrear a disponibilidade de todos os produtos e serviços e, assim, manter os clientes informados sobre o status de seus pedidos.
  2. Operações de estoque: A boa gestão de estoques é o pilar fundamental de qualquer negócio de varejo saudável, pois economiza tempo e esforço necessários para gerenciar o estoque manualmente. Com um sistema colaborativo em ação, seus funcionários não mais farão relatórios diários e passarão por eles para dar uma resposta aos clientes, mas terão os dados prontos e atualizados regularmente em seus dispositivos.
  3. Produtividade de vendas: Muitas empresas relatam uma melhoria significativa de suas taxas fechadas de negócios ao implementar sua primeira solução de gerenciamento de inventário. Isso ocorre porque um inventário preciso impede a perda de clientes e minimiza erros humanos comuns, como o relato de produtos fora de estoque e o encaminhamento de clientes a diferentes lojas.
  4. Entrega no prazo: O principal benefício do uso de um sistema é a capacidade de atingir os prazos de entrega e impedir que os clientes esperem até que a remessa chegue. Os programas avançados até os envolvem no processo, dando-lhes uma imagem realista do estado da sua encomenda e permitindo-lhes acompanhar o movimento do produto desde a compra até à chegada.
  5. Frequência de encomenda ajustada: Apesar de os distribuidores perceberem que a falta de estoque é o pior cenário possível, atribuímos esse atributo ao excesso de estoque. Deixar produtos desperdiçados ou pagar por seu armazenamento e manutenção é onde as empresas perdem a maior parte de seu dinheiro, e é por isso que o software de gerenciamento de estoque é tão útil. Sendo capazes de rastrear seus estoques de estoque reais, as empresas podem fazer pedidos novamente dos fornecedores no momento certo, ou ajustar a frequência do pedido de maneira mais adequada.
  6. Clientes satisfeitos: Com atendimento personalizado e respostas precisas a qualquer momento, seus clientes ficarão mais satisfeitos do que nunca. Eles poderão rastrear o status dos pedidos enviados, sem correr o risco de um aviso prévio de que o produto que esperam não está mais disponível.
  7. Integração com sistemas: Outra maneira de reconhecer um sistema de gerenciamento de estoques de qualidade é examinar sua conectividade com aplicativos de back office, em particular sistemas contábeis e de Enterprise Resource Planning (ERP) que processam dados relacionados a estoques. A melhor opção é comprar um sistema de Application Programming Interface (API) aberto, pois ele permite conexões personalizadas para todos os provedores de serviços e geralmente vem com o bom suporte técnico.

Conclusão

Sendo assim, os sistemas de gestão de estoque ajuda você a planejar com antecedência e a se tornar mais proativo, acompanhando o status de seus produtos, gerenciando tendências e oportunidades negativas e recuperando dados históricos vitais para prever o progresso de suas vendas. Na verdade, as ferramentas de gestão são, na maioria das vezes, repletas de recursos analíticos que liberam seu tempo e ainda retêm todos os indicadores importantes que medem sua produtividade empresarial.

Gostou do conteúdo? Estão curta a nossa página no Facebook e acompanhe nossos materiais!

 

Fonte  1

Fonte 2

Augusto Spineli

Add comment